Home » Bem-estar » ATENÇÃO À PELE DAS CRIANÇAS

ATENÇÃO À PELE DAS CRIANÇAS

Dermatologista Erasmo Tokarski dá dicas para evitar e combater doenças da infância

Mês das crianças é época de presentear a garotada, levar para brincar, se divertir e, claro, prestar ainda mais atenção na saúde dos pequenos. A pele deles requer maiores cuidados, já que eles ainda não têm maturidade imunológica e espessura necessárias para interceptar intrusos e resistir às agressões do ambiente. Na capital, as altas temperaturas e a maior exposição ao ar livre facilitam a incidência de algumas doenças.

Frequente em bebês, a brotoeja é uma dermatite inflamatória causada pela obstrução das glândulas sudoríparas. A doença, que leva ao aparecimento de pequenas manchas vermelhas e bolhas na pele, é uma resposta do organismo ao excesso de calor e suor. “Ambientes quentes e úmidos, excesso de roupas e febre alta favorecem o surgimento dessas lesões”, explica o dermatologista Erasmo Tokarski. “O problema costuma desaparecer sozinho, quando calor e umidade do ambiente diminuem. O tratamento levará em conta as características das lesões, a parte do corpo na qual se instalaram e a idade do paciente”, orienta o especialista.

Um dos tipos mais comuns de alergia cutânea, a dermatite atópica é uma doença crônica, caracterizada por coceira e erupções na pele. “A função do tratamento da enfermidade é controlar a coceira, a redução da inflamação da pele e a prevenção das recorrências”, explica o médico. Micoses também são muito frequentes em altas temperaturas.  Causadas por fungos, as infecções surgem principalmente nas dobras e regiões de fraldas. “Para evitá-las, deve-se manter tais regiões secas. Além disso, é de extrema importância consultar um dermatologista para que este indique a melhor medicação”, indica.

Foto: Banco de imagens

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios são marcados com *

*

Assunto